Tire suas dúvidas sobre a cafeteira turca

Espresso, macchiato, cappuccino, irlandês ou coado. Nos últimos anos temos visto que o público consumidor de café no Brasil tem não apenas se interessado mais pelo tipo de grão que consome, como também pelo método de preparo do café. E, na esteira dessa curiosidade, a cafeteira turca tem retomado seu lugar de prestígio entre os apreciadores das boas xícaras.

História do café turco

O café turco — também chamado Türk kahvesi — é o modo de preparo de café mais popular na Turquia e em alguns países do norte da África, os quais fizeram parte do antigo Império Otomano.

Embora tenha uma história muito antiga, acredita-se que o café foi introduzido em Constantinopla no sultanato de Süleyman, o Magnífico. A partir daí, a bebida teria dominado o palácio imperial e, então, todo o império, sendo amplamente consumida por todas as classes sociais.

Segundo o historiador otomano Pecevi, que viveu no século XVII, as primeiras cafeterias de Constantinopla surgiram já na segunda metade do século XVI, bem antes dos famosos cafés franceses.

Vem também do antigo Império Otomano a velha tradição mística de ler a sorte das pessoas na borra do café. Isso é possível porque a bebida feita na cafeteira turca não é coada, deixando uma fina camada de pó de café cozido no fundo da xícara.

Como preparar o café turco

Se você ficou curioso acerca desse método ancestral de fazer café, saiba que o café turco é muito simples de se preparar. Basta que você tenha uma cafeteira turca — também chamada Ibriq — e que os grãos de café sejam moídos bastante finamente, até terem uma textura semelhante à da farinha de trigo. Também é importante que o café tenha torra média, pois, como veremos, ele será torrado novamente no Ibriq.

Modo de preparo:

  • meça a quantidade de água fria necessária — para cada xícara de café, use 1 xícara de água. Lembre-se que, para esta preparação, utilizaremos sempre xícaras de café;
  • aqueça a água em fogo médio, sem deixar que abra fervura;
  • adicione à agua morna o pó de café. A proporção deve ser de 1 a 2 xícaras de chá de pó de café para cada xícara de água. Não mexa o café: deixe que ele flutue e se encharque lentamente, do contrário, o café vai empelotar em contato com a água quente;
  • se desejar, adicione 1 xícara de chá de açúcar e continue sem mexer;
  • quando o pó de café afundar e a água estiver quente o bastante para derreter o açúcar, abaixe o fogo e mexa vigorosamente até que se forme uma espuma na superfície;
  • apartir daí, observe seu café com cuidado. Se perceber que o café vai ferver, retire-o do fogo e continue mexendo;
  • éextremamente importante que seu café não ferva. De fato, alguns baristas recomendam que a temperatura não ultrapasse os 70°C, para que não haja evaporação;
  • mantenha o café nesse estágio o máximo de tempo possível, para que se forme uma espécie de crosta espessa na superfície;
  • auando a espuma tiver subido uma a duas vezes, o café estará pronto para servir. Despeje-o imediatamente nas xícaras, procurando distribuir a “crosta” igualmente entre todas elas. Aguarde cerca de 30 segundos para que o pó assente e deguste um café maravilhoso.

E você, já conhecia a cafeteira turca? Ficou curioso? Se você deseja saber mais sobre como extrair o melhor sabor do seu café, confira nossas dicas de como fazer um café perfeito.

0
Connecting
Please wait...
Enviar mensagem

Desculpe, não estamos online no momento. Deixe um recado.

* Seu nome
* Email
* Mensagem
* Telefone
Vamos começar!

Precisando de ajuda? Economize tempo falando diretamente com nossos atendentes.

Seu nome
* Email
* Como podemos ajudar
Estamos online!
Feedback

Help us help you better! Feel free to leave us any additional feedback.

Como foi o seu atendimento!

Pin It on Pinterest